Login:  Senha:   
Ainda não é cadastrado? Faça seu cadastro!
O Site | Quem somos | Contate-nos | Cadastre-se | Equipe
Apoiadores | Perguntas mais freqüentes
Home   Cursos e Eventos   Todos os artigos   Resenhas   Anuncie   Quer colaborar?   Imprensa
Google Pesquisa personalizada
Você está aqui: Home » Artigos sobre Técnicas
Artigo (veja mais 6 artigos nesta área)

Cura e energização com a imposição de mãos

Ellie Crystal

A cura pela imposição de mãos é muito antiga e tem sido usada pelos mais diversos povos, independentemente de cultura ou religião, pois tem a ver com as energias vitais de todo ser vivo. É uma técnica simples e que todos nós podemos aplicar para aliviar os sintomas de vários distúrbios físicos ou emocionais de outras pessoas.


Note que estamos falando em “tratamento” e não em “cura”. Isto porque toda cura verdadeira deve começar pela descoberta da causa emocional da doença, caso contrário o problema vai reaparecer manifestando-se em outra parte do corpo. E esta descoberta deve ser pesquisada pelo paciente em conjunto com um facilitador, geralmente um psicanalista ou psicólogo. Independentemente disto, a imposição de mãos é um meio físico para dar alívio a diversos sintomas.

Mas como funciona, exatamente? O tratamento através das palmas das mãos é algo quase instintivo, e está se tornando uma técnica cada vez mais usada, especialmente pelo Reiki, como uma maneira simples e acessível para alguém começar a praticar e desenvolver seus dons de cura.

Técnicas básicas para a cura com as mãos

A sessão de energização é muito simples. Uma vez estabelecido um ambiente de empatia entre o paciente e o energizador, sentindo que o paciente está pronto para aceitar a energia que a imposição de mãos vai canalizar para ele, ambos estarão prontos para começar o tratamento.

Suponhamos que você será o energizador. Quando começar, concentre-se nas palmas das suas mãos, relaxe e vá sentindo lentamente o maior fluxo de energias através delas, o que poderá criar uma sensação de calor ou formigamento. Experimente aumentar sua freqüência vibratória, pensando em coisas boas... Isto vai resultar num maior fluxo e equilíbrio da energia. É esta energia equilibrada que você deve transmitir para a outra pessoa ao aproximar suas mãos do corpo dela. Algumas pessoas lavam as mãos antes e depois de uma sessão de cura, como forma de limpeza física e energética. O sabão limpa o físico, e a água corrente renova as energias.

Vamos primeiro determinar qual de suas mãos funciona melhor para você. Na verdade, a mão esquerda recebe energia e a mão direita a envia para fora, mas sempre uma delas é mais poderosa.

Coloque ambas as mãos na sua frente, com as palmas viradas para cima. Concentre sua atenção na mão esquerda e procure sentir o fluxo de energia. Você deverá sentir um formigamento ou leve aquecimento

Concentre-se agora na outra mão e veja o quão forte é a energia que sente emanando dela. Uma das duas palmas deverá ser sentida como tendo um fluxo de energia mais forte, pelo fato de parecer mais quente ou com mais formigamento.

Agora coloque as duas mãos em frente ao seu peito, com as palmas viradas uma para a outra. Mantenha-as afastadas cerca de 7 a 8 centímetros de distância. Vá movendo as mãos lentamente, para frente e para trás, mantendo as palmas viradas uma para a outra. Sinta as linhas de energia entre as mãos.

Agora lentamente mova as mãos para longe, e preste atenção ao quão longe pode chegar antes de deixar de sentir o “empuxo” da energia.

Quando as energias pararem, mova as mãos para frente e para trás ligeiramente em direções opostas e você deve continuar a sentir a energia.

Agora vamos mergulhar nesta energia... Relaxe, respire profundamente e concentre-se sobre as mãos. Para algumas pessoas isso acontece de imediato, para outros é preciso tempo para reconhecer as mudanças na freqüência. Quanto mais você praticar, mais rápido e poderosa a energia virá.

Agora permita que a energia passe através de você. Você pode sentir-se à fonte dentro desta energia que, segundo suas próprias crenças, pode estar emanando de Deus, de um espírito, um anjo da guarda, anjos ou, simplesmente, de você mesmo ou do universo. O fato é que deve sentir que está energizado e pronto a transferir esta energia para seu paciente. Gaste um pouco de tempo praticando até sentir-se confortável com o fluxo de energia através de seu corpo, entendendo como ele reage - calor, frio, tremores, formigamentos ou aumento da percepção mental.

Quando isto acontecer, você estará pronto para entrar em ação.

Fazendo a imposição

Encontre alguém que precisa de cura. Certifique-se que a pessoa esteja confortável, sentada ou, de preferência, deitada. Determine quais seriam seus problemas emocionais. Converse um pouco com o paciente, apenas para acalmá-lo. Lembre-se de que esta não é uma sessão de psicanálise, mas você precisa saber o que está acontecendo e o que aquele problema físico está mascarando. A pessoa vai se curar mais rapidamente e mais permanentemente se estiverem confiantes nas suas capacidades. Garanta para a pessoa que você nada vai fazer para prejudicá-la, machucando ou fazendo algo que possa agravar a situação.

Coloque suas mãos afastadas cerca de 8 a 10 centímetros sobre a pessoa. Faça uma pausa e permita que as energias comecem a fluir através do seu corpo. Isso pode demorar alguns minutos.

Você pode fazer uma varredura do corpo áurico do paciente, movendo suas mãos para cima e para baixo do corpo, lentamente, começando pelo topo da cabeça e indo até os pés. Não toque no paciente, lembre-se de que estamos tratando apenas de um fluxo energético. Durante esta varredura, fique muito atento à procura de mudanças nos níveis de temperatura, que será uma indicação de que naquele ponto existe um fluxo inadequado das energias sutis no corpo do paciente. Quando você sentir esta mudança, informe para o paciente. Ele poderá responder algo como “Oh sim, eu tenho tido desconforto neste lugar.”

Quando você encontrar o problema, coloque suas mãos próximas ao local. Concentre sua atenção nele, e visualize a maior freqüência da energia fluindo através de si para a outra pessoa. Vai acontecer. Qualquer um pode fazê-lo.

Não há um tempo específico para manter o fluxo de energia. O tempo que você gasta com a pessoa é intuitivo, depende de ambos estarem confortáveis com a sensação, geralmente alguns poucos minutos serão suficientes.

Durante a energização, você poderá sentir, eventualmente, que alguém entrou em seu corpo energético, como se fosse para ajudar a fazer a cura. Novamente, chame esta intromissão pelo nome melhor para sua crença, ou seja, esta outra energia poderia vir de seu espírito-guia, de Deus ou do anjo da guarda, seu ou da pessoa que estamos energizando.

O procedimento é simples, mas precisa ser praticado. Você pode utilizar a energia de suas mãos não apenas com outras pessoas, mas também sobre animais, plantas ou em seu próprio corpo, desde que mantenha a mente fixada em ideais elevados e pronta a aceitar a troca de energia para criação de cura, equilíbrio e compreensão.

Mas não seria muito forte dizer que as mãos “curam”? Depende do que estivermos tratando. Ninguém seria tolo de dizer que uma simples energização vai curar um problema físico grave, mas pode aliviar os sintomas. Transtornos mais simples como indisposições estomacais, ansiedade eventual e uma leve dor de cabeça podem ser atenuados ou mesmo eliminados simplesmente com esta energização. Outro uso da imposição de mãos é na potencialização de outros tratamentos médicos e psicanalíticos. Alguém que esteja fazendo um tratamento contra câncer, por exemplo, poderá ver o efeito dos medicamentos tornar-se mais eficiente por estar equilibrando e energizando seu organismo.

Texto traduzido para o português e adaptado para o Brasil pela equipe do instituto luzes.

Publicado em 21/05/2007 às 09:58 hs, atualizado em 04/09/2012 às 15:24 hs

Versão para impressão Versão para impressão Enviar para amigo Enviar para amigo Assinar newsletter Assinar newsletter Entre em contato Entre em contato


TEMOS MAIS 6 ARTIGOS SOBRE TéCNICAS:
Divã on-line
O que é a psicanálise, origem e linhas de atuação
Acupuntura, ciência milenar a serviço de sua saúde física e mental
Como funciona a lavagem cerebral, como prevenir e remediar
Terapia do Renascimento
O que é TVP e o que é Regressão de Memória?

Nenhum comentário até o momento.

Seja o primeiro a comentar este artigo!

Login: Senha:

• Se você já se cadastrou no site, basta fornecer seu nome e senha.

• Caso ainda não tenha se cadastrado basta clicar aqui.

SEJA VOCÊ TAMBÉM UM COLABORADOR!


Colabore com nosso site, contribua para o desenvolvimento da Psicanálise e, de quebra, aumente seu currículo e promova sua empresa!
É simples:

• Se você é uma pessoa física e deseja colaborar com notícias, artigos e sugestões, veja a seção Quero colaborar

• Caso tenha uma empresa do setor e quer divulgá-la junto aos nossos visitantes, veja a seção Anuncie

• Caso sua empresa faça Assessoria de Imprensa para um ou mais clientes, você pode mandar os releases para nossos repórteres e teremos a maior satisfação divulgar as notícias neste espaço. Se você é um órgão de imprensa, contate-nos em imprensa@luzes.org e conheça as várias maneiras para interagir com nosso site e nossos visitantes.
Tel (11) 2605-5383 - Fax (11) 2368-4666 - E-mail: contato@luzes.org
Por favor entre em contato para qualquer dúvida, imprecisão do conteúdo ou informação indevidamente divulgada.
Os artigos e demais informações assinadas são de integral responsabilidade de seus autores.
O conteúdo deste site está protegido pelo Acordo Internacional da Creative Commons.
Os produtos e serviços de terceiros aqui divulgados são de inteira responsabilidade de seus anunciantes.
Nosso nome, logomarca e demais sinalizações estão protegidas na forma da lei.